Nova Andradina - Torne-se um profissional da Medicina Integrativa em uma semana!

AGL MÍDIA em 18/08/2017

Se você sempre teve o sonho de atuar na área da medicina ou deseja fazer a diferença na área da saúde, poderá se capacitar para isso em apenas seis dias, participando do 1º Curso Intensivo de Formação Profissional em Reflexologia, que será realizado em Nova Andradina de 18 a 23 de setembro de 2017. A Reflexologia é uma técnica de medicina integrativa que tem ganhado o mundo com seus resultados extraordinários na saúde. Ela tem sido usada para ajudar a tratar doenças tão graves quanto o câncer.

A Fundação Cancer Research UK, situada em Londres, Inglaterra, (www.cancerresearchuk.org) publicou em sua página que a reflexologia é a técnica mais usadas por seus pacientes, com redução em até 70% dos efeitos colaterais da quimioterapia, e melhora significativa em todos aqueles que utilizaram a reflexologia como auxiliar no tratamento do câncer.

O site www.reflexology-research.com tem publicado os excelentes resultados no tratamento de muitas doenças com o uso da Reflexologia. A página comenta sobre 168 estudos que tem sido realizados em 21 países com eficácia de 93% de resultados em todos os casos, havendo melhoras tanto físicas como emocionais e psicológicas. E nós teremos, aqui em Nova Andradina e região, a oportunidade de vivenciar isso.

A instrutora e reflexoterapeuta Josi Garcia, que ministrará a Formação Profissional na Cidade Sorriso, comentou, em entrevista à nossa equipe, sobre a deficiência de profissionais no Brasil. Ela destacou como exemplo a Inglaterra onde há mais de 12.000 terapeutas, inclusive no Conselho de Saúde do Governo, enquanto aqui no Brasil, um país gigante, não temos 5% desse total, somando todos os profissionais atuantes no país.

“As possibilidades são imensas pra quem deseja ingressar na área, porque o reflexoterapeuta pode atuar em qualquer cidade, onde quer que tenha pessoas que queiram se tratar com medicina natural. A Reflexologia não tem efeitos colaterais e pode ser usada pra tratar e acabar, com a dor e o sofrimentos de muitos, desde bebês, grávidas e idosos, a doenças crônicas como diabetes, Parkinson, depressão, insônia, ansiedade, crianças hiperativas, autismo, pós-operatório, e muito mais”, comentou a profissional.

Leia também: Nova Andradina receberá o 1º Curso de Formação Profissional em Reflexoterapia Podal

Questionada sobre o curso que será ministrado em seis dias, ela explicou que, busca nos últimos cinco anos, entender porque e como a reflexologia alcançou tanto resultado na Europa, Estados Unidos e países mais desenvolvidos, sendo reconhecida e utilizada em tantos hospitais.

“Daí, surgiu a metodologia que temos usado e testado aqui no Brasil nos últimos dois anos. Tivemos um aproveitamento de 100% no aprendizado. Por este motivo, estamos agora ampliando isso pra todo o país. Temos a meta de alcançar todos os Estados. Por isso, não podemos dizer quando terá outra capacitação deste nível no Estado do MS. A probabilidade é que ocorra apenas uma formação por ano em cada Estado. Com relação a Nova Andradina, pelo número de e-mails que recebemos até agora, creio que não terá vagas pra todo mundo”, alertou.

Os tratamentos naturais têm sido apontados como o futuro, e a Reflexologia tem sido a técnica natural que mais cresceu nos últimos anos, especialmente desde que foi recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em Dezembro de 2012.

Embora seja uma profissão altamente rentável, sob o aspecto financeiro, o grande atrativo é o que ela faz pela saúde das pessoas, o resultado quase imediato de melhora em quase todos os casos. Realiza, pra quem se forma, o sonho de poder mudar a saúde do outro, trazer alento à dor, mudar a vida do outro, seja entre os próprios familiares, seja de forma profissional.

Se você se interessar em ser um profissional da saúde, através da medicina integrativa, e quiser alcançar isso em seis dias, obtenha mais informações com os realizadores do curso, pelo celular/Whatsapp (27) 9 8803-2204, pelo e-mail cursoscebrare@gmail.com ou pelo site https://cebrare.wixsite.com/cebrare(Texto: Acácio Gomes / Imagens: Divulgação).

 

Confira esta publicação também em: