Escola de Batayporã promove projeto de combate à evasão escolar no EJA

AGL MÍDIA em 30/08/2017

Na noite desta terça-feira (29), terapeuta especialista em Shizen-Tai ministrou palestra aos estudantes

               

Atendendo a uma solicitação da Secretaria Estadual de Educação (SED), a Escola Estadual Braz Sinigáglia, da cidade de Batayporã, realiza o Plano de Ação – Evasão Escolar – EJA, um projeto voltado aos estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA), com objetivo de fazer com que os estudantes tenham mais interesse em participar das aulas através da realização de atividades diversificadas.

 

O plano consiste em ações realizadas a cada dois meses, sendo que, em cada bimestre, são abordados temas distintos. Neste contexto, na noite desta terça-feira (29), os professores Edna Bom, Kelmi Souto, Valmir Lucena e Diego Cosim, organizaram uma palestra com o terapeuta e especialista em Shizen-Tai, Alexander Moraes (CRTH-MS 099), que ministrou aos alunos orientações sobre a postura correta do corpo ao estudar, trabalhar e dormir.

 

Moraes explicou aos estudantes a importância sobre os cuidados com o corpo, especialmente com a coluna vertebral. O profissional falou sobre os malefícios causados pela má postura. Os alunos puderam interagir com o terapeuta, fazer perguntas e tirar dúvidas sobre qualidade de vida e bem estar. A palestra foi concluída com uma demonstração prática sobre como o Shizen-Tai pode proporcionar alívio aos desconfortos causados em decorrência das atividades do dia a dia.

 

Ao final da ação, Alexander Moraes se colocou à disposição dos estudantes e professores para o esclarecimento de eventuais dúvidas futuras pelos telefones (67) 3441-3409 e (67) 9 8133-9277 ou ainda pessoalmente na Rua Valdemar do Carmo Martins, 1043, em Nova Andradina.  

 

Os professores que trabalharam nesta fase do Plano de Ação – Evasão Escolar – EJA, agradeceram a presença do profissional, Alexander Moares, e também aos responsáveis pela Escola Braz Sinigáglia, nas pessoas da diretora Gláucia Patrícia Bravin de Sá, diretora-adjunta Vera Lúcia Macedo dos Santos, coordenadora Elisângela Pigossi e do professor de informática Valter Michelini, que deram suporte à ação. (Texto e imagens: Acácio Gomes - Jornalista 0001500/MS).

Confira esta publicação também em: 

01
01
press to zoom
02
02
press to zoom
03
03
press to zoom
04
04
press to zoom
05
05
press to zoom
06
06
press to zoom